1 de abril de 2008

Que nem gata e gato


Ganhei o Cartola há oito anos, após uma cirurgia delicada

E que fique bem claro: dona Lenir nunca gostou de bichos!

Saí da casa da mãe, mas o peludo não!
Hoje eles vivem embolados, que nem gata e gato :))


(Fotos: Lenir Ramalho e Cartola por Monica Ramalho)

6 comentários:

Cecília Borges disse...

assim aconteceu com meu pai e o cachorro.
e ele jurava que era um ou outro dentro de casa!

bj

Claudia disse...

Que bacana essa sequência de fotos com historinha.
beijos, amiga

Claudia disse...

Ah, já aproveitando o assunto gatos. Será que alguém aqui estaria interessado em ganhar um gatinho?
É que achei na rua dois gatinhos muito pequenos. Com certezam, foram abandonados porque a mãe não estava por perto.
Eles estavam bem doentinhos mas agora estão ficando numa boa, só precisam de um lar.
Alguém se habilita? Pode mandar email pra mim holandaster@gmail.com
beijos e miaus

vicki disse...

Ah, ja esta comprovado que bastam poucos dias de convivencia com um bicho para derreter o mais petreo coracao. Cartola e lindo e eu ja estou morta de saudades dos meus, que nao vejo desde ontem... beijos

Flavia disse...

estão óptimas as photinhas do cartola com su madrecita...
que olhar tem esse felino!

beijoca pra bat-dupla
um beijirous pra ti

monica disse...

cecília, claudinha, vicki e flarivous: beijos :))