17 de abril de 2008

O casamento das girafinhas



Todo mundo sabe que sou uma 'bicheira' de carteirinha. E que colecionei durante anos toda modalidade de girafas - chaveiros, ímas de geladeira, porta-retratos, recortes, pelúcia, etc, etc, etc. Pois duas girafinhas se casaram no Zoológico do Rio! Dizem os jornais que Beija-Céu e Zagallo namoraram durante um mês até a cerimônia, realizada ontem à tarde na presença da criançada que, em homenagem ao novo par, usou máscaras da espécie. Deve ter sido divertido. Já que perdi a chance de clicar a união, o jeito vai ser esperar cerca de 14 meses, até a chegada do primeiro bebê do casal.

(Foto: Luís Alvarenga, do jornal Extra)

3 comentários:

Joana disse...

Não sei porque, mas eu sempre tive muita pena das girafas. Talvez o fato de saber que elas não deitam para dormir. Ufa, deve ser tão cansativo. Talvez a carinha meio triste delas.

Cecília Borges disse...

Mônica,
minha irmã sempre colecionou todos os tipos de girafas também.
Eu fico com os elefantes!

Bj!

Flavia disse...

eua adoooooooro girafas!!!
o melhor é você as chamando de girafinhas... que meiguxo, moniquirous!

beijoca