16 de junho de 2008

O hit do apê novo


É bem melhor escrever daqui, já devidamente acomodada na casa nova. A vida recomeça exausta de tanto carregar livros, discos, revistas, quadros, louças, malas, lembranças de, brinquedos - sim, os da minha infância - e outros tantos pertences menos charmosos e, na certa, mais pesados. Foi um exercício de desapego encaminhar à lixeira incontáveis recortes de jornal, fitas cassete, aquela almofada surrada que pertencia à melhor amiga, o par de tênis tão gasto que incomoda os pés, o suporte para tevê nunca usado. Mas é isso aí. E eu gosto de mudanças e não posso reclamar. Até porque o apê é liiiindo!

"Eu hoje joguei tanta coisa fora
Eu vi o meu passado passar por mim
Cartas e fotografias, gente que foi embora
A casa fica bem melhor assim"


(Verso de Herbert Vianna e foto de Reg Speller)

20 comentários:

PAUL CONSTANTINIDES disse...

monica
mudar eh sempre bom.
exatamente para encontrar coisas q nao achavamos antes dentro de casa, e para rememorar tantas outras coisas q objetos trazem em si.
um dia poste ai uma foto da vista da janela do seu novo ape.
aposto q vai ficar legal.
abs
paul

ah nao se esqueza de colocar uma foto bem bonita na parede da sala.

monica disse...

paul,
pois é! acredita que encontrei as fotos da minha primeira (e até agora única) exposição? vão todas pruma parede aqui, na certa.
beijos e até o próximo clique!
monica

Val Becker disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Val Becker disse...

Ufaaa!!!!
Só posso dizer uma coisinha - além de ter cantado Herbert Vianna junto com você na sala do ap que foi: tá acabando, amor, tá acabando... ahahahahahah!
E não é que as cadeiras são parecidas com as nossas!
:)))
* e viva o Antônio!!!!

Sambeira disse...

Ai, casa nova que delícia!!!

monica disse...

sambeira saritz, linquei você no laranja - e está convidada a conhecer o novo lar assim que estiver em ordem. beijoooo

buliversando disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
buliversando disse...

Casa nova, eu que na infância adorava uma mudança com o tempo fui ficando cansada e hoje acho muito complicado me desapegar do lugar onde fiquei criando raizes, a pior parte é ver alguem que vc desconhece vivendo na casa que era sua. Morei 10 anos na mesma casa quando vim para o Rio e ano passado me mudei, demoramos 3 meses para conseguir tirar as coisas da casa.
Mas ainda me pego sentindo falta da vista com coqueiro, saudade do espaço que fui reformando com o tempo até deixar a minha cara sabe.

ai ai
mas agora é casa nova e espaço novo, a nova vai tomando forma de antiga e as cosias encontrando lugar pra viver.

Tem varanda?


beijos.

Ahm,moça esqueci de convida-lá para a estréia do Cinesul que foi ontem no Centro Cultural Carioca, nao sei se vc foi convidade tbm,mas enfim esqueci de falar, mas o convite para a festa de encerramento já fica por aqui, será dia 30 de junho.

O convite é para duas pessoas, eu deixaria na porta e tal.

monica disse...

gabriella: de onde você é? eu nasci em brasília, mas vim pra cá com três meses e tenho alma, cara e jeito de carioca.

não tem varanda, mas é um charmoso duplex!

quero ir na festa de encerramento, dois dias depois do meu aniversário. onde vai ser?

beijo!

buliversando disse...

Eu sou paulista, com jeito de paulista e cara de paulsita eu acho, mas de uma safra paulista gente fina.rs

na minha nova casa tem varanda e colocamos uma rede, mas ahm dá pra colocar rede dentro de casa tbm.rs (eu adoro rede)

A festa vai ser no Centro Cultural Carioca, o festival já está rolando, vai ter umas coisas bem legais.

Ih, seu aniversário é dia 28? Uma canceriana.


ahm, eu tenho o filme elizabethtown caso queira emprestado, vc tem cara de quem devolve.rs

e outra, vc assistiu Pedrinha de aruanda?

monica disse...

rs rs rs

trouxe de salvador uma rede verde água feita no tear tão linda que tenho pena de usar! val tem três ou quatro redes made in fortaleza.

adoro o ccc e ganhei 'pedrinha de aruanda' no natal passado. achei mezzo. e, sim, eu devolvo! :))

buliversando disse...

Uma rede verde era a cor que eu procurei e nao achei por nada, no final das contas ficamos com um tom cru que foi a melhro e a de preço mais agradavel.
Marci ficou de pedir para o pai uma made in paraiba,mas até hoje não vi a dita cuja em casa sabe, isso pq o pai dela já voltou e nada.


(desculpa, agora que acabei de ver que falei do lugar errado, é dos correios a festa, ahm carioca e correios se parecem tanto, tbm adoro o CCC, mas a festa nao vai ser lá.)

Pedrinah de aruanda tbm achei mezzo, assiti no cinema e me foi bem agradavel, mas pra dvd eu achava que tinha que ter mais cosias, uns extras, me dei pq achei que ia ter extras, umas musicas a mais.

eu dereria ter ficado com Brasileirinho ao vivo.

Já que vc devolve podemos começar as negociações.

monica disse...

e você viu 'morro da conceição'? adoro total. aliás, respondendo outra pergunta: copiei o filme do pierre verger pra ver com calma e acho que emprestei porque ele sumiu.

buliversando disse...

Nao assiti morrod a conceição, nao.
vc tem?
o do pierre to vendo e copio com uma amiga tbm, mas a minha maquina ta quase matando pra gravar um cd, se eu tento colocar um gravador de dvd nela ela morre de infarto fulminante.

dvds que somem é um problema, agora com essa de poder copiar fica facil que vc nao emrpesta o seu vc copia e a pessoa que cuide do dela.

vou ter que cuidar da charanga pra ela se modernizar e eu preservar meus dvds.


vi uma indicação sua dia desses aqui separei na locadora,mas nao consigo passar la em horario util para pegar, um do carlos saura que fiquei super curiosa .


mudando de assunto, o cinemanovista já tem um post escrito em casa só falta postar, acho que amanha ele ressucita, mas o outro o bulviersando eu ainda postei mais nos últimos tempos, coisas aleatórias e tal.

monica disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
monica disse...

tenho uma cópia pirata do bem (dessas que ficam só entre nós e nossos amigos)

tô trocando de computador também. esse nem velho é, mas acho que vem sofrendo uns avcs rs

'bodas de sangue' é sensacional. gades estava lindo demais naquela época e a história do lorca é muito bem contada só com dança

ressuscite-o!!!

buliversando disse...

o meu já está em idade adulta, mas é naquele esquema que nem cachorro sabe. de um valer 7, essa tecnologia envelhece.

copias do bem, eu tbm faço, nem sempre dá pra comprar todos os filmes ou achar tbm.

eu quero conseguir chegar em botafogo em tempo de pegar o estação aberto, quem sabe mais pra frente, estou quase me motorisando.

ahm aceito o empréstimo de morro da conceição, em troca tenho o elizabethtown e mais uns lá.

monica disse...

eu compro alguns dvds baratíssimos nas lojas americanas. os últimos foram aqueles da trilogia das cores do kieslowski ('a fraternidade é vermelha', 'a liberdade é azul', 'a igualdade é branca').

eu só dirijo carrinho de supermercado e, ainda assim, cuidado com as canelas! :))

buliversando disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
buliversando disse...

Eu compro promoções americanas, da casa e video e o que pintar, de locadora falindo a amigo desesperado.

Eu to de olho num fusca azul céu 74 modelo ecospot 2008.rs

eu até hoje não consegui assitir a trilogia das cores, nem a dupla vida de veronique.

o último que comprei foi Amelie Poulan (que já em foi roubado e acabou virando presente de dia dos namoridas) e No direction home do Scorsese que fala do Bob dylan, os dois por míseros 22 reais, achei justo.