6 de fevereiro de 2008

Madureira em festa



Durante a minha infância suburbana, Madureira foi sinônimo de compras em lojinhas de beira de rua e cineminhas poeira, daqueles bem desconfortáveis. Desconfortável mesmo era o calor das ruas lotadas, sobretudo nas vésperas de natal e ano novo. Mas era o nosso shopping center, meu e da minha mãe, que me ensinou a amar o azul-e-branco da sua escola do coração. E foi em Madureira onde, em 1985 (e, portanto, aos 13 anos), assisti ao primeiro filme para maiores de 16: 'Ópera do malandro', do Ruy Guerra. Portela desfilou sob os ecos de 'é campeã' berrados no carnaval anterior, quando mostrou na passarela do samba as maravilhas dos 'Contos de areia' .

Há alguns anos não piso no bairro. Por falta de razões mesmo. A minha vida começou a ser transferida para a zona sul em 1995, quando entrei para a faculdade. Naquele ano, a Portela abocanhou o vice-campeonato com o enredo 'Gosto que me enrosco'. Três carnavais depois, ficou em 4º lugar com o enredo 'Os olhos da noite'. E, desde então, amargou uma década de más colocações que não rimavam com seus 21 títulos conquistados, o maior de todas as escolas de samba até hoje.

Quem leu este post até aqui e não sabe quem venceu o carnaval deste ano, pode até pensar que foi a escola de João Nogueira, Monarco, Paulinho da Viola e outros bambas, mas não. Ainda não. Quem sabe em 2009?


Leia também: Portela é considerada a melhor do carnaval pelos leitores do Globo Online


(Foto da saia da baiana: Monica Ramalho)

2 comentários:

Thadeu Rabelo disse...

a Portela junto a Mangueira talvez sejam as únicas escolas que levaram a sério a palavra poesia. E assim com ela abraçou os tempso da decadência, da poesia e do samba em geral. O que salva a azul e branco é o seu símbolo, a águia é sorrateira, espera o tempo que for para brilhar, em Madureira ou onde for. teresa Cristina e Diogo Nogueira estão aí, vamos junto com a águia.

estou anexando seu blog na minha lista de eindicações.

monica disse...

com a águia que fez 40 anos neste carnaval, não é, thadeu?
obrigada pela visita e seja sempre bem-vindo! :))